• Valéria Barros

10 Perguntas Respondidas para quem tem dúvidas sobre trabalhar e estudar na Europa



Você esta planejando morar, estudar ou trabalhar na Europa mas tem dúvidas sobre como iniciar seu Planejamento?

Então confira aqui 10 perguntas respondidas com as maiores dúvidas na hora de iniciar um projeto de estudar ou trabalhar na Europa!

1 - Como conseguir um visto para trabalhar na Europa?

Para trabalhar legalmente em qualquer país do mundo, precisa-se de uma permissão de trabalho. Na Europa existem algumas maneiras de se conseguir esta permissão, porém não é aplicável a todos, você precisa ir no consulado mais próximo da sua cidade e se informar de acordo com o seu caso, levando em conta sua profissão, conhecimento de idiomas e afins.

  • Visto de residência com permissão de trabalho: é aplicado nos casos de cônjuges casados com cidadãos europeus, ou pessoas que solicitaram e foram aprovados em um processo de imigração.

  • Visto por Contrato de Trabalho: profissionais que possuem um Contrato de trabalho válido com uma empresa europeia, neste caso é a empresa que deve fornecer as informações para a obtenção do visto e verificar os tramites para obtê-lo. Este visto é valido somente pelo período que você estiver trabalhando e tem o contrato de trabalho válido. Após o vencimento o profissional deverá voltar ao seu país de origem.

  • Work-Study: este visto é de estudante, porém com uma carga horária livre para trabalhar no país, geralmente até 20h por semana. Este visto só é válido no período em que o estudante estiver matriculado em uma instituição de ensino oficial europeia.

  • Cidadania: para descendentes de europeus, somente é solicitado junto ao consulado do país, cada país tem sua particularidade.

2 - Qual é o perfil profissional para trabalhar na Europa?

O perfil profissional na Europa é voltado ao mercado internacional, devido a globalização as empresas possuem filiais em vários locais do mundo, então se você fala outros idiomas, possui certificações e cursos com validade internacional, é flexível e se adapta bem a mudanças, com certeza você será um ótimo candidato. A graduação feita no Brasil geralmente é reconhecida aqui na Europa, apenas em casos específicos como área de saúde, psicologia, medicina é necessário reconhecer o diploma aqui e validar perante as instituições governamentais.

3 - Qual é a idade para tentar uma Recolocação Profissional na Europa?

Aqui na Europa o mercado é bem aquecido para aqueles que estão entre os 30 a 40 anos, levando em conta que quanto menor a idade e maior os anos de experiência, maior as suas chances!

4 - Como buscar vagas?

Aqui na Europa as ferramentas mais usadas são o Linkedin e o Xing. São ferramentas gratuitas e muito eficazes.

Existem alguns sites também que você pode pesquisar, confira aqui abaixo:

5 - Preciso de alemão para trabalhar na Alemanha?

Na maioria dos casos sim. O idioma oficial na Alemanha é o alemão, então para que você possa ter uma boa comunicação na empresa, o alemão será indispensável. O nível de conhecimento vai depender do cargo, por exemplo nível e teste de alemão do A2 para cargos de auxiliares e B2 para cargos de gerência.

6 - Como estudar e trabalhar na Europa?

A maioria das universidades europeias possuem projetos constantes na busca de universitários a nível internacional. Você pode fazer um programa de Work+Study, ou se inscrever no próprio site de uma universidade para um curso, projeto ou bolsa em específico.

7 - Como escolher um país para fazer um intercâmbio?

A escolha vai depender do seu objetivo e meta. Com o euro e o dólar em alta, é claro que devemos ficar atentos aos preços, mas existem bastante países que possuem ótimas promoções então o segredo é pesquisar muito.

Se você pretende aprender inglês, não seria ideal escolher a Alemanha por exemplo, onde o idioma oficial do país não é o inglês, então neste caso o melhor seria Londres, Canadá ou Irlanda, que são países bem receptivos e possuem ótimos programas de work+study.

8 - Como planejar e iniciar o meu intercâmbio?

Caso seja o seu primeiro intercâmbio ou viagem ao exterior, planeje tudo com muita cautela. Procure por uma agência séria e de confiança, se possível por indicação de amigos que já utilizaram os serviços e podem até dar o depoimento deles se tudo correu bem.

9 - Qual área profissional está mais aquecida na Europa?

As áreas mais requisitadas hoje na Europa são: TI, financeiro, turismo e engenharias.

9 - A cidadania estende europeia estende-se aos cônjuges?

Na maioria dos casos sim, mas como já dissemos aqui, cada caso é um caso, e esta informação só será verídica quando solicitada direto no consulado do país que você tem a cidadania.

Se você quer morar e trabalhar na Europa, mas não sabe por onde começar, saiba que nós estamos aqui para lhe orientar!

Dúvidas sobre: Planejamento de Carreira Internacional, Recolocação Profissional, mercado de trabalho no exterior, estamos aqui para lhe orientar e guiar, ajudando você a ingressar nesta sua nova jornada de morar e trabalhar no exterior, deixe aqui seu comentário que nós vamos te ajudar!

Não deixe de conferir a Edição Completa da nossa Revista "Carreira na Europa" com depoimentos e cases de sucesso de brasileiros que foram atrás de seus sonhos e hoje vivem na Europa!

Confira aqui outros artigos para lhe ajudar a conseguir seu emprego na Europa!

Se você se identificou e busca uma Carreira na Europa, agende já uma Consultoria de Avaliação de Perfil, e vamos lhe mostrar o melhor caminho para você trabalhar na Europa!

Ficou com alguma dúvida?

Envie sua dúvida para o nosso e-mail que nós respondemos para você.

Quer saber mais sobre o nosso trabalho e nossa Consultoria de Carreira na Europa?

Clique aqui e entre em contato.

Gostou deste artigo? Fique à vontade para compartilhar com os amigos.

Aproveite e curta a nossa Fanpage no facebook e siga a gente no Linkedin.

Boa sorte!

Obrigada e abraços,

Valéria Barros

Consultora de Carreira Internacional

RH Clock-in

#Planejamento #Carreira #Europa

RH Clock-in | Salzburg - Austria
  • LinkedIn

RH Clock-in | Headhunter & Job hunter | Europe