O seu currículo é atrativo para o mercado?



Muitos candidatos me procuram dizendo que estão enviando currículos há meses, mas nunca são chamados para entrevistas e a maior dúvida que fica é “O que está acontecendo”?

Um dos motivos, com certeza, é a elaboração incorreta do currículo. Nós recrutadores temos pouco tempo para analisar um currículo e fazer uma boa triagem de candidatos, pois o fechamento de uma vaga e a triagem de candidatos é feita de forma muito acelerada.

Se ele não estiver bem claro e muito objetivo das suas expectativas e experiência, poderá passar despercebido em meio a tantos. Fazer uma revisão e correção do seu currículo é o mais indicado neste caso, pois a avaliação feita por um profissional além de melhorar e atualizar o design do seu CV tem como objetivo ser claro e rápido, para uma avaliação de um recrutador.

Confira aqui 7 super dicas para turbinar o seu currículo e deixá-lo atrativo para os olhos caçadores dos headhunters e recrutadores internacionais.

1. Experiência atual

A sua última experiência profissional será a mais relevante no seu currículo, por isso, o seu cargo atual deve estar em destaque. Embora todas as experiências passadas sejam importantes, os últimos 3 anos da trajetória profissional são os mais visíveis. A maioria dos candidatos cometem o erro de focar primeiro nas empresas e depois no seu próprio cargo, inicie sempre com o título do seu cargo e logo abaixo o nome da empresa. Lembre-se o recrutador busca um possível candidato e não uma empresa.

2. Apresentação e design

Seu currículo dever ser organizado e de clara leitura, bem distribuído no espaço da página. Um bom currículo tem no mínimo duas páginas e no máximo três, caso tenha mais, revise e foque nas palavras chaves. A qualidade do seu currículo é uma das primeiras mensagens captadas pelo recrutador, por favor, revise a formatação e os erros de português!

3. Instituições de renome

Se a sua formação acadêmica incluir universidades de renome e internacionalmente reconhecidas, não hesite em destacá-la. Vale a pena deixar essa informação bem visível. Por exemplo aqui na Europa, a formação educacional é um dos primeiros tópicos do seu currículo.

4. Trajetória profissional

O currículo geralmente é analisado de uma forma rápida aos olhos do recrutador, siga padrões na hora de descrever a sua trajetória profissional e organize-as sempre por datas, começando pela última experiência.

As mudanças de emprego e promoções são observadas imediatamente pelo recrutador e com certeza você deverá estar preparado para explicá-las na hora da entrevista de emprego.

5. Endereço atualizado

Pode parecer irrelevante, mas o seu endereço residencial tem chance de ser um dos primeiros dados checados no seu CV. É uma forma de avaliar a disponibilidade de uma contratação. É muito importante estar atualizado.

6. Palavras-chave

Em uma leitura rápida, o recrutador pode procurar no seu currículo alguns requisitos específicos da vaga, como cursos e sistemas gerenciais. Se você é um programador por exemplo, não deixe de citar os cursos e os sistemas que estão diretamente ligados à sua área de atuação.

7. Contatos atualizados e visíveis

Muitas vezes nós recrutadores deixamos de contratar ótimos talentos devido aos contatos desatualizados, mandamos e-mail, telefonemas, Skype, facebook, e nada, o candidato ou está com os contatos desatualizados ou não verifica diariamente seus e-mails, perdendo assim possíveis ótimas oportunidade de emprego. Se você busca uma oportunidade de emprego, esteja sempre ativo nas redes sociais, linkedin e verifique seus e-mails diariamente.

Ficou com alguma dúvida?

Envie sua dúvida para o nosso e-mail que nós respondemos para você!

Gostou deste artigo? Compartilhe com os amigos.

Sinta-se à vontade para entrar em contato para sugestões, elogios, dúvidas ou críticas.

Boa sorte!

Obrigada e abraços,

Valéria Barros

Consultora de Carreira

RH Clock-in

#Currículo #Europa #Carreira #Planejamento #Vagas

RH Clock-in | Salzburg - Austria
  • LinkedIn

RH Clock-in | Headhunter & Job hunter | Europe